Pesquisar este blog

2.6.11

and statistics

A revista Exame, num libelo pela privatização que resolverá todos os males do Brasil, denuncia a carência de infraestrutura aérea explicando que "enquanto o Brasil tem 175 fingers na soma de seus aeroportos, o aeroporto de Atlanta, sozinho, tem 199 fingers." É um absurdo! Um escândalo! Um único aeroporto tem mais fingers do que o Brasil inteiro!

Bueno, a movimentação total desse único aeroporto é comparável à do Brasil inteiro. Foram 88 milhões de passageiros em 2009. No conjunto dos aeroportos da Infraero, no mesmo ano, passaram 113 milhões de passageiros. Vamos refazer esse dado vergonhoso, e descrever exatamente o mesmo número assim:

Fingers por milhão de passageiros. Brasil: 1,54 Atlanta: 2,26

MÉDIA DE FINGERS POR PASSAGEIRO DE TODOS OS AEROPORTOS DA INFRAERO É DOIS TERÇOS DAQUELA DO MAIOR AEROPORTO DO MUNDO.

Não soa tão escandaloso assim, soa? Mas pera, fica melhor. O Galeão, segundo a mesma reportagem, tem 30 fingers. Ora, o Galeão movimentou 12 milhões de passageiros em 2009. Que tal

GALEÃO TEM MAIS FINGERS POR PASSAGEIRO DO QUE MAIOR AEROPORTO DO MUNDO

Olha que coisa. Com exatamente os mesmos números que a Exame usou para denunciar o absurdo que é a infraestrutura aeroportuária brasileira, a Infraero poderia se vangloriar de ter uma excelente infraestrutura. E não, isso não é uma defesa da Infraero, que sofre de todos os vícios e bem poucas das virtudes do serviço público, e isso só parcialmente devido ao imbecil modelo de negócios dela (que é culpa dos que a criaram), administradora sem ativos nem concessões sob o seu nome.

Ah sim, fingers, ou pontes de embarque, são aqueles canudos pelos quais se entra no avião sem precisar descer ao pátio.

2 comentários:

mosca disse...

Embora me pareça que lá a utilização dos fingers é bem mais organizada (produtiva), bela análise. A imprensa brasileira já não sabe lidar com números. Quando é tendenciosa, então...

Wellington Lineane Oliveira disse...

Tem um estudo que diz que o número de fingers é um parametro pada medir odesenvolvimento de um país.... É triste ver os números do país da Copa....